Juntos somos mais fortes. Fortes, enfrentamos qualquer obstáculo.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Hospital Conceição faz a primeira cirurgia de troca de implantes de silicone pelo SUS no Estado

Procedimento pode ser feito em 27 serviços de saúde no RS

Uma professora de 39 anos foi a primeira mulher a fazer a substituição de implantes de silicone da marca francesa PIP pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Rio Grande do Sul. A cirurgia foi feita nesta sexta-feira, no Hospital Conceição, em Porto Alegre. A paciente, que estava com a prótese há oito anos, passa bem e foi liberada à tarde.

Após alerta da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o risco de rompimento das próteses fabricadas pela PIP e pela Rofyl, o Ministério da Saúde anunciou que o procedimento de troca do implante seria coberto pelo SUS, em casos de rompimento, suspeita de rotura ou algum sintoma clínico.

De acordo com o mastologista José Luiz Pedrini, chefe do Serviço de Mastologia do Hospital Conceição e vice-presidente nacional da Sociedade Brasileira de Mastologia, podem ocorrer sintomas como dor e vermelhidão na mama. Por meio de exames, também pode ser diagnosticada infiltração do gel para fora da cápsula.

Nesses casos, é recomendada a troca e a paciente tem direito de realizar o procedimento na rede pública. Planos de saúde também devem cobrir a troca. Para fazer o procedimento pelo SUS, as pacientes devem se dirigir ao posto de saúde mais próximo e pedir encaminhamento a um dos 27 hospitais habilitados pelo Ministério da Saúde para realizar a substituição no Rio Grande do Sul (veja lista abaixo).

Pedrini, que há alguns dias teve de implantar próteses de fabricantes diferentes em uma paciente, devido a problemas com os
estoques de silicone, acredita que o abastecimento está garantido por pelo menos mais um mês.

— Mesmo assim, eu acho que vai faltar. Já comunicamos a Anvisa que iremos acionar o Ministério Público se isso ocorrer, pois as pacientes são as mais prejudicadas — diz o médico.

O Inmetro publicou portaria com as 
regras para certificação das próteses de silicone no país. Por determinação da Anvisa, as marcas nacionais e importadas só poderão ser comercializadas após passar pelos testes de qualidade.



Confira os locais habilitados a realizar o procedimento pelo SUS no Estado:

Porto Alegre

Hospital de Clínicas
Hospital Cristo Redentor
Hospital Femina 
Hospital Nossa Senhora da ConceiçãoHospital Presidente Vargas
Hospital São Lucas
Santa Casa de Misericórdia

Bagé
Santa Casa de Caridade

Cachoeira do Sul
Hospital de Caridade

Canoas
Hospital Nossa Senhora das Graças

Caxias do Sul
Hospital Geral de Caxias do Sul

Cruz Alta
Hospital de Caridade São Vicente de Paulo
Hospital Nossa Senhora de Fátima

Erechim
Fundação Hospitalar Santa Terezinh

Ijuí
Hospital de Caridade

Lajeado
Hospital Bruno Born

Passo Fundo
Hospital da Cidade
Hospital Municipal
Hospital São Vicente de Paulo

Pelotas
Hospital Universitário São Francisco
Hospital Universitário Ufpel
Santa Casa de Misericórdia
Sociedade Portuguesa de Beneficência

Rio Grande
Hospital Universitário

Santa Cruz do Sul
Hospital Ana Nery

Santa Maria
Hospital Universitário

São Leopoldo
Hospital Centenário


Matéria publicada no site do Jornal Zero Hora em 13/04/2012 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário